vinte-e-poucos

Vinte e Poucos Anos

Criança, não mais. Adulto, nem tanto. Muito tempo pela frente, mas nem tanto. Afinal de contas, tenho até os 30 para resolver tudo e me encontrar e decidir qual será minha rotina pelos cinquenta anos seguintes. Maus hábitos, procrastinação, isso passa. Afinal de contas, só os losers chegam aos trinta ainda querendo se divertir e praticar um pouco de autodestruição recreativa. E deus sabe que eu não sou um deles. …

papo-de-taverna

Papo de Taverna

Morg: “Tu vai pras Terras Altas daqui?” Dhagur: “Vô.” Morg: “Irado. Ouvi umas canções.” Dhagur: “Irado mesmo.” Uler: “Você vai pro Porto das Safiras? Dizem que o lá governa o caos.” Ancren: “Se é caos ninguém governa né, mané.” Dhagur: “Porto das Safiras é na costa. E nem fodendo, não quero morrer.” Morg: “Dhagur prefere ir para a Ilha do Inverno Eterno.” Rud: “Velho, 90 moedas de ouro por estação …

ma-pessoa

A Má Pessoa

Quem não vê que sou uma má pessoa? Não é que eu não tenha boa índole ou que faça um mal significativo para os outros. Eu acordo cedo todos os dias e vou para o trabalho, trabalho sem dar tudo de mim, mas com honestidade, volto para minha família e ouço o que eles dizem, pago minhas contas, voto quando dizem para votar, faço carinho no cachorro. Como eles não …

gente-ou-animal

Fantasia: É Gente Ou Animal?

Em resposta ao lançamento de Star Wars – O Despertar da Força, era fácil encontrar pelo menos um canal transmitindo um dos filmes mais antigos da franquia. O personagem em questão desconhecia não só o Star Wars, mas o gênero de fantasia e ficção científica como um todo. À aparição do Chewbacca na tela, virou-se para sua companheira e perguntou: “isso aí é gente ou é animal?” Será que a …

guerra

Guerra

O que vale a pena fazer para sobreviver? Que tipo de sobrevida fica quando só é o corpo que resta? O corpo enquanto carne. Pode ser que se perca um pedacinho aqui e ali, ou que um pedaço vire carne assada. Mas e o filminho na cabeça? Aquele que te dá a indispensável sensação de que há algum tipo de lógica interna na vida para cada ocasião que não poderia …

Subject: Ellie photos On 2013-04-16, at 3:33 PM, Murdoch, Sarah wrote:  drink.jpg

Os Sonhos Que Temos

Aos dez anos de idade, ele decidiu que seria um lutador. Sua adolescência se dividiu entre coisas de adolescente e o regime progressivo de treino e competição. Aos vinte anos de idade, ele estava bebendo mais do que o recomendável e explicando por que o cunhado dele que pedalava todo dia não iria para lugar algum. Com trinta, ia ao culto todos os dias e tentava fazer com que todos …

gastando-vida-1

Gastando Vida

Nada melhor do que a repetição inclemente daquela coisa que você já leu milhões de vezes e tem que ler de novo só por que tem. São livros, filmes e séries que ou proporcionam uma profundidade impossível de ser assimilada de uma só vez, ou que somente têm uma relação tão boa consigo que o ato de consumi-los se torna uma espécie de alívio. Tem gente que diz que isso …

ninguem-vai-ler-esse-post

Ninguém vai ler esse post mesmo…

A única coisa que encontrei para aliviar o chamado “bloqueio de escritor”, ou melhor, “bloqueio de blogueiro”, foi ter em mente que se cinco pessoas se dispuserem a ler o que eu escrever aqui, já é uma vitória. Ou então, ter em mente que centenas de pessoas lerão este artigo e de que eu tenho a responsabilidade de não me deixar vencer pelo bloqueio, e por isso mesmo eu tenho …

fight

Luta Cotidiana

Ele sabia que estava fodido. Mas sabia que os outros estavam também. Duvidava que alguém ali naquele beco, além dele, fizesse mil flexões por dia. À esquerda, um magrelo de punhos fechados. Esse não valia a pena. Se chegasse perto, tomaria um jab e viraria história. No centro, outro magrelo com uma faca na mão. Derrubava ele fácil, mas ia ser chato desviar daquela faca. Por outro lado, ia provar …

sad-warrior-in-front-of-grave-from-warriors

Ela Se Foi

Ela se foi. Eu que era um defensor da guerra, da religião do aço, sempre gritava quando ela me alertava sobre os horrores das vidas perdidas, muitas delas inocentes, mesmo nas linhas. Fingindo ser empático para mim mesmo, ainda que minha fala fosse em berros, eu dizia que era o sacrifício, e não estava tão errado assim: eu tinha sido treinado para morrer e aceitar a morte do outro, mesmo …

wave-04

Criar Espaço

Quando há uma intenção, é preciso criar espaço. Parece um contrassenso, pois logo nos recordamos daqueles tempos de procrastinação e sensação de imobilidade. Afinal, tem que correr atrás, não é? Claro que sim. Não é disso que estamos falando. Criar espaço é mudar a direção da atenção. Quando a atenção está muito lá na frente, esse futuro fabricado e sustentado por esquemas e conceitos e teorias sobre o modo certo …

687px-mona_lisa_by_leonardo_da_vinci_from_c2rmf_retouched

O Swami, o Nerd, o Militante, o Evangélico e o Servidor Público

Mal se poderia chamar aquilo de uma sala. As janelas quase tocavam o teto, chapadas e subdivididas em quadradinhos. A parede era cinza-escuro e vascularizada por infiltrações. Era como se a parede tivesse peste bubônica.  Seis cadeiras amarelas, daquelas de bar,  dispunham-se em círculo no centro. Cinco pessoas transitavam entre olhar com franzidas de cenho para os demais e para o panfleto que cada uma tinha em mãos. A primeira, …

sculpting-a-life

Esculpindo

O escultor sempre achou legal pegar a massa com as mãos, a sensação da…daquela picaretinha, tá ligado, e acho que tem uma espátula também, parecida com aquelas de cortar e servir bolo – mamãe disse pra eu nunca cortar o bolo até o meio, mas deixar um circulozinho no centro – e, acima de tudo, de pegar as formas que ele delineava mentalmente ao ver o mundo e transformar a …

track

Skydiving

Depois de anos lutando contra a minha própria inexperiência em matéria das coisas que gosto, quero, desejo, preciso, temo, gostava mas passei dessa fase, parece um futuro interessante, odeio mas não consigo parar portanto acho que é vício mesmo, eu decidi pela segurança. Foi com orgulho no peito e o olhar distante dos outros olhares, o que confirmava que este orgulho era um orgulho de madrugadas solitárias viajando, que eu …

gracethegreyhound

Motivação

Eu noto que para os escritores a questão da motivação é de suma importância, quase tanto quanto para os ratos de academia (a de puxar ferro, não a universidade). Afinal, é um trabalho longo, duro, e viver longa e duramente com seu ego artístico na linha de fogo requer determinação. Uma vez abordando este tema com um web-colega que se queixava da sua motivação oscilante para dar continuidade à escrita …