Ninguém vai ler esse post mesmo…

ninguem-vai-ler-esse-post

A única coisa que encontrei para aliviar o chamado “bloqueio de escritor”, ou melhor, “bloqueio de blogueiro”, foi ter em mente que se cinco pessoas se dispuserem a ler o que eu escrever aqui, já é uma vitória.

Ou então, ter em mente que centenas de pessoas lerão este artigo e de que eu tenho a responsabilidade de não me deixar vencer pelo bloqueio, e por isso mesmo eu tenho que falar sobre ele.

Mas sobre o que escrever, se o próprio ato de escrever já está em si provando que bloqueio criativo é nada mais do que reticência em sentar a bunda na cadeira e trabalhar?

O site mudou de endereço, você notaram? Bem, aí está uma coisa para se falar. O quê mais? Só isso?

Deve ser o calor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *