Paraíso

paraiso

“Este lugar foi criado com um único propósito”, disse o narrador, enquanto imagens de campos verdes apinhados de árvores apinhadas de frutas varriam a tela, “de ser o paraíso, onde até mesmo seus habitantes eram paradisíacos.”

“Não havia doença, nem mesmo dores ou incômodos. Cada um estava sob total controle de seu corpo, impedindo-o de envelhecer, tornando-o belo e higiênico. Por esta razão, não havia medicina ou a necessidade de exercitar-se. Exercícios eram brincadeiras, jogos, caminhadas, escaladas. A comida era farta, e não havia fome. A cada determinado número de dias, a pessoa decidia comer se lhe apetecesse. Não havia distúrbio mental ou emocional, assim que todos eram realizados. Não havia estresse, dúvida, angústia, depressão. Com o tempo, mesmo a culinária festiva deixou de existir, pois não havia prazer em comer, ao menos nenhum que se equiparasse ao prazer de ser, simplesmente. Também não havia arte, pois não havia drama, e as flutuações emocionais eram desconhecidas aos seus habitantes, uma vez que elas todas derivam do medo da morte. O clima era sempre ideal, e não havia desconforto ou ameaça, assim que seus habitantes decidiram desfazer as casas, deixando apenas os pastos. Os filhos não vieram mais, uma vez que nenhuma alegria era superior a da tranquilidade que sentiam, e não havia a necessidade de adicionar, de trazer mais pessoas ao mundo. O sexo acabou também. As conversas terminaram. Não era necessário para nenhum deles ter companhia. Cada um deles então apenas caminhou e se sentou em algum lugar, deixando que as raízes envolvessem seus membros e suas peles se petrificarem. Naqueles bosques perdidos, eles ainda nos observam quando passamos, e nos amam, ainda que não amemos a nós mesmos e nem estejamos próximos de fazê-lo.”

O filme terminou com uma tela negra. O homem da audiência apagou seu cigarro na almofada de uma das poltronas e deu um salto, redescobrindo a felicidade de estar na merda.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *